quinta-feira, 24 de março de 2011


COMO FAZER CASAS

Casas na vertical( maquina ou frontura): exemplo: acabamento com 22 pts. Suspende a metade (11), tece 8 carreiras de um lado, suspende os pts tecidos. Corte o fio que teceu.
Aí abaixa a outra parte,pegue o fio, tece também 8 carreiras. Dali até  apróxima casa, tece novamente com todos os pontos.

Casas na horizontal (na maquina): arremate os pontos da casa (digamos, 5 pontos),com o transferidor ou remalhador por traz dos ganchos do topo.Puche essas agulhas vazias para posição de trabalho.Passe uma carreira tecendo normal.
Nas agulhas que fez a casa,  faça laçadas manuais nas mesmas 5 agulhas e teça UMA carreira fazendo-as trabalhar em liso.  Depois continue normalmente.
CASAS NA HORIZONTAL ( FRONTURA): Se vc vai fazer casa com 5 pontos por exemplo,pegue os pontos da frontura e passe para a maquina (quantidade do tamanho da casa). Arremate os pontos da casa (que estão na maquina)ou das casas se tiver muitas na mesma carreira.Puche para a posição de trabalho as agulhas que estavam trabalhando .Use o transferidor ( ou com a mão mesmo) arrume as agulhas para que trabalhem novamente no ponto barra.
Passe o carro para o outro lado tecendo. Nas agulhas das casas, o fio vai passar por cima da agulha. Você tem que laçar manualmente estas agulhas. Nas proximas 6 carreiras, engatar o gancho (acessório de mão que vem com a frontura) por baixo, bem no centro desses 5
pontos da casa, puxando-o muito levemente só para que os pontos trabalhem normalmente ali. (já que os pesos ainda não exercem força sobre eles.
Se tem muitas casas numa mesma carreira, enquanto faz as laçadas manuais,pendure no centro dos pontos (se forem 5 será na agulha do meio desses 5 pontos) um fio de mais ou menos 30 cm em qualquer outra cor e deixe pendurado; o fio fica pendurado, com mais ou menos 15 cm (pois está duplo). Puxe então esse fio e aí não precisa usar o gancho. Depois que o trabalho sai da máquina é só puxar os pedaços de fio para retirá-los.
Detalhes tirados da net, que só de olhar se faz no tricô








Dicas de Moda


Mantendo a Elegância
Uma produção requer uma grande dose de sensatez, isto traduzido significa que o conjunto de peças a ser escolhido em seu guarda roupa pode transformar-se em uma bela obra ou num grande fracasso.
Sem sustos !
Consultores de moda já fizeram a experiência de buscar dentro do guarda roupa de pessoas dos mais variados tipos e gostos, peças que nunca foram usadas em conjunto e para a surpresa dos proprietários destas roupas, eles podiam andar na moda tranqüilamente sem cometer abusos e ainda sem gastar em novas peças e acessórios.
Já sabemos que a moda é cíclica, vêm e vai com grande frequência muitas vezes sofrendo poucas modificações. Porém a grande aliada de estarmos de bem com o guarda roupas nada mais é do que nossa própria imagem refletida no espelho.
Também já foi dito por muitos que somos o que vestimos, ou seja, características de nossa personalidade acabam surgindo e se delatando através das roupas que usamos.
Portanto, antes de sair para qualquer local e ocasião é totalmente indispensável checar se estamos de acordo com o objetivo e, muito importante, diria de importância total para o seu bem, estar em completa harmonia com o tipo físico.
Veja a seguir alguma dicas de quem entende :
- Para a baixinha : se for esbelta, pode usar tudo. Para as gordinhas, a saia tem que estar acima do joelho;
- Para a alta : é indicado o uso de pantalonas e camisas masculinas;
- Para a gordinha : roupas escuras, camisas e saias retas;
- Para a magra demais : o maiô é mais indicado que o biquíni;
- Para a negra : cores fortes, como os tons de azul;
- Para quem tem cabelos curtos : se tiver pescoço bonito, pode usar colares, gargantilhas e golas altas;
- Para quem tem cabelos compridos : o meio-coque com fios soltos e gola careca é perfeito;
- Para a loura : o preto fica muito bem. Tons dourados também;
- Para quem tem pouco busto : tudo, menos silicone!
- Para quem tem busto grande : decotes altos, nunca! Os "Vs" e os "Us" ficam muito bem.
- Para a de quadril largo : se as pernas forem compridas e a cintura fina, calças e saias retas;
Importante:

- O que cai bem :
blazer bem cortado, camisa branca, brincos de argola;
- Roupas e acessórios vulgares : lycra, mules ou qualquer coisa que faça tec-tec no chão;
- O que é fundamental ter no guarda-roupa :
uma calça jeans, um par de tênis, uma camisa branca, uma boa bolsa, um pulôver de qualidade e um terninho preto.
Fonte: Marília Carneiro (site revista Claudia)